RotaFinanceira.Com
Liberdade Financeira para Pessoas Inteligentes

Sobre   ·   Contato   ·   Tópicos

O Guia Minimalista do Planejamento Financeiro

As duas únicas etapas que você precisa para o sucesso financeiro.

Principais Ideias

  • Aprenda como construir riqueza e ter o suficiente para se aposentar.
  • Descubra 6 motivos para as pessoas falharem no planejamento.
  • Porque você deve deixar de seguir os experts que estão mais interessados em te vender produto.

Vamos ser honestos? O resumo de um planejamento financeiro é tão simples que é ridículo.

Passo 1 – Como criar riqueza: Ganhe mais do que gasta e invista com sabedoria.

Então… Pratique e Repita até Chegar no Passo 2 …

Passo 2 – Como ter o suficiente para se aposentar: Tenha uma receita de investimento maior que seus gastos e continue a investir as economias com sabedoria.

E, é só isso!

Se sua vida for orientada por essas duas frases simples, eu garanto que você desfrutará de um enorme sucesso financeiro.

Não precisa ser um gênio financeiro. Não precisa aprender toneladas de técnicas. E qualquer um consegue. É tão simples que chega a ser uma piada.

Bom, mas a vida sendo a vida, toda essa auxese deixa de lado um pequeno detalhe…

O – não tão – óbvio: “Se é tão simples obter segurança financeira, então por que quase ninguém consegue?”

Legal! Fico feliz que você perguntou. 🙂

Por que Tão Poucos Conseguem

Existem muitas razões mas vamos começar com algumas opções óbvias e deixarei você terminar, incluindo as ideias que deixei passar nos comentários abaixo.

  1. Procrastinação: A maioria das pessoas deixam para amanhã o economizar e o construir riqueza. O problema é que, eventualmente, vão faltar amanhãs.
  2. Falta de Disciplina: O Thomas Huxley disse: “Talvez o resultado mais valioso de toda a educação seja a capacidade de fazer o que você precisa fazer, quando deve ser feito, se você gosta ou não; é a primeira lição que deve ser aprendida; e, por mais cedo que o treinamento de um homem comece, é provavelmente a última lição que ele aprende completamente.”
  3. Perspectiva de Curto Prazo: A essência por trás do “gastar menos do que ganha” é a gratificação atrasada. Se trata de visualizar suas metas em uma perspectiva de 10, 20… 30 anos. Assim, economizar deixa de ser um sacrifício e se transforma em um lembrete do que você realmente deseja – liberdade e independência em vez de mais coisas. Fica bem mais fácil reconhecer, diariamente, qual a ação adequada.
  4. Sem Perspectiva: Algumas pessoas simplesmente não conectam como os seus hábitos de gastos diários possuem implicações de longo prazo. A aposentadoria é tão distante no futuro que é quase uma utopia. O resultado é um piloto automático de gastar, gastar, e gastar até que acaba. Pura falta de atenção.
  5. Ignorância: Simplesmente não sabem a realidade das coisas.
  6. Não Sabe Como Investir Bem: Notou a ausência de requisitos de habilidade financeira? O lado bom é que existem soluções simples que funcionam. Mas, seria imprudente se não lembrasse que: sim, é verdade que se perdem verdadeiras fortunas nesse ponto, mas apenas se todas as outras engrenagem estiverem encaixadas corretamente.

Duas Observações…

Ainda que você extrapole essa lista (consulte os comentários para mais itens) existem duas coisas que não podemos deixar passar:

  1. Todos os obstáculos, exceto o um (habilidade de investimento), são causados ​​por seus próprios bloqueios mentais. E de verdade, você têm o poder de superar esses obstáculos. Qualquer pessoa pode construir riqueza se desenvolver as habilidades pessoais essenciais. Não tem mágica e nem truque.
  2. Embora a construção de riqueza seja uma meta financeira, observe como apenas 1 das 6 causas que listei possui alguma relação com finanças! Isso é algo que sempre me surpreende: alcançar metas financeiras tem muito pouco a ver com finanças e tudo a ver com você.

Como Steven Pressfield sabiamente escreveu:

“Pode ser que a raça humana não esteja pronta para a liberdade. O ar da liberdade pode ser muito rarefeito para respirarmos … O paradoxo parece ser, como Sócrates demonstrou há muito tempo, que o indivíduo verdadeiramente livre é livre apenas na medida de seu próprio domínio. Enquanto aqueles que não se governam são condenados a encontrar mestres para governar sobre eles.”

Traduzindo: a liberdade está dentro de você. Você pode escolher a liberdade financeira e a verdadeira liberdade.

Vou repetir, é importante….

Você tem o poder de escolher a verdadeira liberdade e a liberdade financeira.

Como o Setor de Serviços Financeiros Falhou

Até os especialistas de esquina concordam que a minoria absoluta dos trabalhadores brasileiros vão se aposentar com segurança financeira. Nos estudos sérios, os números convergem para cerca de 1%. E destes, mais da metade deles precisam continuar trabalhando para manter essa segurança.

Usando a cotação anterior, significa que 99,5 % dos brasileiros são governadas por mestres que não são eles próprios.

Sim, é verdade que a solução para o problema é simples.

Mas foi a implementação da solução se mostrou ilusória para o setor de serviços financeiros. Ora! Como a causa tem pouco – ou nada – haver com “financeiro” e tudo a ver com a natureza humana, não é de se espantar que não funcione.

Nos temos um setor de serviços financeiros treinado para vender produtos de investimento, mas o único serviço que a maioria (99,5%) das pessoas precisam envolvem: responsabilidade, suporte e coaching.

Os aspectos técnicos (essenciais) da implementação de um plano financeiro estão além do simples e do ridículo. Se você pode embasar um espelho pode construir uma diversificação adequada a baixo custo usando ações, FII’s ou fundos mútuos.

Você não precisa de um “especialista” para fazer isso!

A prescrição (ou receitação) de um portfólio diversificado e convencional está muito bem documentada e não requer nenhum conhecimento sério.

Sério, você pode aprender tudo o que é necessário para implementar o lado investimento dessa equação de construção de riqueza em algumas horas ou até menos.

As pessoas não falham por razões financeiras. Elas falham apenas – e por nenhuma outra razão – por não fazer o “sabem” que precisa ser feito.

O Enigma

Pense sobre isso …

As pessoas recorrem aos especialistas financeiros para obter orientação financeira. Eu acredito de verdade que eles estejam buscando ajuda para resolver seus desafios financeiros.

E, como orienta o modelo de negocio, os especialistas vendem seus produtos de investimento como solução.

Mas aqui está a verdade, os produtos de investimento são a parte mais fácil da equação. Ninguém precisa de um especialista para isso. O que precisam é de um especialista para as coisas mais complicadas e pessoais que realmente os impedem de gerar riqueza.

Em outras palavras, as pessoas precisam de ajuda para – primeiro – construir a riqueza, mas o que recebem é um grupo de especialistas em finanças que trabalham apenas no gerenciamento de uma riqueza já construída.

Se você não acredita que isso seja verdade, faz o seguinte: tenta chamar para conversar um assessor financeiro de alta qualidade sem ter um centavo para investir.

Acho que todos vão concordar comigo quando digo que as pessoas sem nada para investir, são as que mais precisam de ajuda. No entanto, o modelo de negocio da consultoria financeira não foi projetado para servir essa pessoa. O negocio deles é vender produtos de investimento.

Viu a confusão?!

Os principais obstáculos à riqueza não são causados por assuntos financeiros. As pessoas buscam orientação especializada. Os especialistas vendem soluções financeiras.

É uma bagunça que – simplesmente – não funciona.

Esse é um dos motivos de eu ter entrado no negócio de coaching financeiro. As pessoas precisam de soluções pessoais, não de soluções de investimento.

Como disse na introdução, a parte do planejamento financeiro é simples: Ganhe mais do que gasta e invista essa diferença com sabedoria.

Ou o antigo: gaste menos do que você ganha e invista as economias com sabedoria.

O problema não está em saber o que fazer, mas fazer.

Eu penso que está na hora – na verdade já passou da hora – das pessoas receberem a ajuda que realmente precisam.

Quero deixar claro que NÃO estou afirmando que a profissão de planejador financeiro não tem a ver com ajudar as pessoas. Existem sim planejadores maravilhosos com corações de ouro que realmente se preocupam.

Meu comentário vai – apenas – para o fato de que a natureza do modelo de negócios trata-se das vendas dos produtos de investimento como a solução para a prosperidade financeira… quando não é.

Em outras palavras, não é uma crítica às pessoas que estão fazendo o melhor para trabalhar dentro de uma estrutura difícil. É uma crítica à natureza do modelo de negócios e como ele conflita com o que as pessoas realmente precisam para melhorar sua situação financeira.

Pin It on Pinterest